De vez em quando é assim, sem sentido.

Céus ao meu favor. Parece que há perguntas em todos os cantos, e as respostas? Fogem a cada segundo. Quantas vezes procuro mergulhar em questões nada fáceis para me satisfazer, quantas vezes nada fica resolvido, quantas vezes reclamo de fatos. Outros dias eram assim. Hoje tudo está mudado, uma nova linha está traçada e é ela quem vai mostrar tudo, caminhos, desejos, vontades, pedidos, quero tudo em uma coisa só, meu sonho.

Sonhos são momentâneos? Eu só quero seguir essa trilha. Só quero acordar com um café, com uma voz que me fizesse perceber como é bom acordar a cada dia. Ter pessoas é ter vida. Ter pessoas em sua vida, é viver. Hoje, para mim, basta ter os cadernos, aquelas músicas antigas e algo para que eu possa rabiscar cada linha de minhas folhas.

Não quero reclamar de cada coisa. Não quero me desfazer de coisas importantes, nada material. Quero só mais tempo para tudo. Liberdade é o que eu mais preciso para entender coisas poucas. Raios do luar iluminam meu lugar, meus pensamentos. Tudo ilumina esta estrada. Se o som desta música me dissesse algo …

Se todas as flores desfolhassem aos meus pés, eu acreditaria que nada está dentro das regras. Elas hoje brotam, cantam, nascem. Esse vento ainda me traz certezas. O mar só me diz “siga este lugar …”. Meus dentes aparecem todos os dias, para tudo. A estrada que me leva até o meu canto, eu piso todos os dias e acordo para este mundo. Qualquer um diria: – “Depois de tudo, estou bem comigo.”

Anúncios

3 Respostas to “De vez em quando é assim, sem sentido.”

  1. “Não há mal que não se cure e não há bem que perdure”. Sob o fardo pesado dos dias em pingos lentos ou diante do lugar de sua paz sobre o leito tão convidativo de outrora a passos largos, a certeza: isso passa. Só não percamos a fé! Sobretudo em nós. =)

    Beijo grande!
    Saudade maior!
    Paz!

  2. Se estás bem contigo, ta valendo à pena.

    Bjs.

  3. Paulo Fiaes Says:

    todos que me conhecem dizem que estou mudando
    passos lentos, mas dizem que é assim mesmo
    mas sei la,
    me perco preso em minha casa, sem vontade de sair, cada vez mais afastados das pessoas e cada vez mais querendo ter alguém proximo
    será q realmente estou mudando?
    lembrei disso lendo seu texto, mto bom por sinal
    a verdade que ja sei que preciso construir uma regularidade, mas ainda n sei como fazer isso, e enquanto isso estou sobrevivendo

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: